Memórias CSTJ

1º Ciclo

1C: Visita de Estudo do 4º ano

20171113 103422No dia 13 de novembro de 2017, o 4º ano realizou uma visita de estudo ao Museu da Cultura Castreja, à Citânia de Briteiros, ao Paço dos Duques, à Igreja de S. Miguel e Castelo de Guimarães.

Iniciamos a visita no Museu da Cultura Castreja. Quem vivia lá era Francisco Martins Sarmento que nasceu em 1833 e morreu em 1899. Ele era fotógrafo e poeta mas destacou-se como arqueólogo e foi ele que descobriu a existência da Citânia de Briteiros. Vimos uma pedra chamada Pedra Formosa que antigamente era a entrada para um lugar muito quente onde os povos faziam a sauna.

Depois fomos à Citânia de Briteiros e subimos até à parte mais alta. As casas mais antigas tinham a forma circular.

De seguida, fomos ao Paço dos Duques que foi mandado construir por D. Afonso, Duque de Bragança para viver com a sua esposa D. Constança. O Paço tem 39 chaminés e muitas salas: a sala das armas, sala de banquetes, quarto…. Ficamos a saber que há muitos anos atrás os pratos eram pedaços de broa.

Fomos visitar a Igreja de S. Miguel que foi construída no séc. XIII e tem a pia onde foi baptizado D. Afonso Henriques.

Por fim fomos visitar o Castelo de Guimarães que foi construído no séc. XII e no dia 7/7/2007 foi classificado como uma das 7 maravilhas de Portugal.

Nesta visita aprendi muito!

Sofia Barros - 4º A

 

No dia 13 de novembro de 20017, eu e a minha turma fizemos uma bela visita de estudo. Nós fomos à Citânia de Briteiros, ao Museu de Castreja, ao Paço dos Duques, à capela de São Miguel e ao Castelo de Guimarães.

No Museu de Castreja, soubemos que naquele local tinha vivido Francisco Martins Sarmento. No museu vimos: uma máquina fotográfica antiga, livros antigos e esculturas em barro.

Na Citânia de Briteiros soubemos que na época as casas eram redondas, quadradas e até retangulares. Na citânia vimos uma capela, a capela de São Romão e vestígios das casas existentes. Nós estivemos na parte mais alta da citânia. Que bela paisagem se observa lá do cimo!

Na hora do almoço convivemos e brincamos no Parque da cidade de Guimarães.

No Paço dos Duques soubemos que lá tinha trinta e nove chaminés e trinta e nove lareiras e também que o pelo dos cães servia de guardanapos, porque eram eles que lambiam as mãos da realeza e dos seus convidados. E ainda, foi graças à D. Catarina que o chá ficou conhecido em Inglaterra.

Na capela de São Miguel vimos a pia batismal de D. Afonso Henriques.

No Castelo de Guimarães tivemos conhecimento que lá existiu habitação, que foi construído no século XII e foi classificado uma das sete maravilhas de Portugal.

Adorei esta visita de estudo, pois fiquei a saber melhor o passado de Portugal.

Renata Dinis

4º B